Facebook Twitter

Programa de Rádio

Acompanhe a atuação sindical também na rádio Terça-feira das 09h30min às 10h, na radio comunitária Fortaleza 98,3FM http://www.radiocomunitariafortaleza.com.br/ Quinta-feira das 11h45min às 12h, na rádio Nereu Ramos 760AM http://radionereuramos.com.br

Faça sua denúncia
Sindicalize-se
Colônia de Férias Sintrafite
Livro Palavra de Mulher
Cartilha Sintrafite 2012
Links Recomendados
Sintrafite no Facebook
Sintrafite no Twitter

Mais de 191 mil trabalhadores foram afastados em 2017 por doenças do trabalho.

04/05/2018

 O desembargador Meton Filho, coordenador do Programa de Segurança do Trabalho do Tribunal Regional do Trabalho do Piauí, destacou que os gastos atuais com acidentes de trabalho são praticamente os mesmos da Educação. Em entrevista ao Jornal do Piauí, observou também que há subnotificação dos dados referentes a acidentes do trabalho, porque muitos ocorrem em ambiente informal. 

Veja a entrevista

Dados da Previdência Social revelam que 191.118 trabalhadores no Brasil foram afastados no ano de 2017 em decorrência de doenças do trabalho. Desse total, 4.130 foram por doenças relacionadas ao sistema nervoso. As informações foram divulgadas no Seminário Sobre Segurança e Prevenção de Acidente de Trabalho (CANPAT 2018) ontem.

Doenças mentais

Atualmente está evoluindo um problema sério que é a percepção de surgimento de doenças mentais decorrentes do trabalho, pela pressão ou até o medo de perder o trabalho. Segundo ele, essas doenças, como transtornos mentais, são a terceira causa de afastamento do trabalho pelo INSS atualmente.

Mortes na construção civil

De acordo com Meton Filho, acontecem mais mortes no setor da construção civil por dois motivos: "porque o trabalho é difícil, é de transformação da natureza e a natureza dá as suas respostas e pela falta de educação para a segurança do trabalho"

Outras Notícias

Sindicato

Formação

Benefícios

Sintrafite - Rua Dr. Luiz de Freitas Melro, 365 | 47 3326 1555

Dataprisma Comunicação Interativa Blumenau